quarta-feira, 23 de abril de 2014

Dia Mundial do Livro


Mensagem da UNESCO para o Dia Mundial do Livro e dos Direitos Autorais, 23 de abril de 2014

Mensagem de Irina Bokova, diretora-geral da UNESCO, por ocasião do Dia Mundial do Livro e dos Direitos Autorais, 23 de abril de 2014.

 “A história da palavra escrita é a história da humanidade. O poder dos livros para promover a realização individual e criar mudança social é inigualável. Íntimo, mas profundamente social, os livros proporcionam amplas formas de diálogo entre indivíduos, em comunidades e através do tempo. Como Malala Yousafzai, a estudante paquistanesa que foi baleada pelo Taliban por ir à escola, disse no seu discurso nas Nações Unidas: “Vamos pegar nossos livros e nossas canetas. Eles são nossas armas mais poderosas.” No Dia Mundial do Livro e dos Direitos Autorais, a UNESCO convida todas as mulheres e todos os homens a reunirem-se em torno de livros e de todos aqueles que escrevem e produzem livros. Este é um dia para celebrar os livros como a incorporação da criatividade humana e o desejo de compartilhar ideias e conhecimento, de inspirar compreensão e tolerância. Os livros não estão imunes a um mundo de mudanças, caracterizado pelo advento dos formatos digitais e pela transição para a partilha de conhecimentos, por meio da abertura de licenças de uso. Isso significa mais incertezas, mas também novas oportunidades – incluindo modelos inovadores de negócio no mundo das publicações. A mudança está levantando questões contundentes sobre a definição do livro e o significado da autoria nesta era digital. A UNESCO está na linha de frente dos novos debates sobre a desmaterialização dos livros e os direitos autorais. Ao defender os direitos autorais e o livre acesso, a UNESCO advoga pela criatividade, pela diversidade e pelo acesso equitativo ao conhecimento. Trabalhamos em várias direções – da Rede Cidades Criativas da Literatura à promoção da alfabetização e dos recursos educacionais. Por exemplo, em parceria com a Nokia e a World Reader, a UNESCO está se esforçando para aproveitar a tecnologia móvel para apoiar a alfabetização. Para esse fim, em 23 de abril, lançaremos uma nova publicação – Lendo na Era Móvel. Dentro do mesmo espírito, a cidade de Port Harcourt, na Nigéria, foi nomeada a Capital Mundial do Livro 2014, em razão da qualidade de seu programa, em particular seu foco na juventude e o impacto que terá na melhora da cultura nigeriana de livros, leitura, escrita e publicação, a fim de melhorar os índices de alfabetização. Tendo efeito no Dia Mundial do Livro e dos Direitos Autorais, essa iniciativa é apoiada pela UNESCO, em conjunto com a Associação Internacional dos Editores, a Federação Internacional de Livreiros e a Federação Internacional das Associações e Instituições Bibliotecárias. Em tudo isso, nosso objetivo é claro – encorajar autores e artistas e assegurar que mais mulheres e homens se beneficiem da alfabetização e dos formatos acessíveis, porque os livros são nossas forças mais poderosas para a erradicação da pobreza e a construção da paz.”

 
UNESCO

quarta-feira, 2 de abril de 2014

2 DE ABRIL DIA INTERNACIONAL DO LIVRO INFANTIL

Comemora-se no dia 2 de Abril o Dia Internacional do Livro Infantil. Esta data, festejada desde 1967, foi escolhida pelo International Board on Books for Young People (IBBY) por celebrar o nascimento do escritor dinamarquês Hans Christian Andersen.


cartaz2014

2abril14
http://lerebooks.wordpress.com/2014/04/02/ebooks-gratuitos-para-o-dia-internacional-do-livro-infantil/