ALUNOS DA ESCOLA DE FRAGOSO NA FINAL REGIONAL DO CONCURSO NACIONAL DE LEITURA


Decorreu no dia 5 de maio, em Vila Verde, a Final Regional da Comunidade Intermunicipal do Cávado da 11.ª edição (2.ªfase) do Concurso Nacional de Leitura, na qual a Escola Básica Integrada de Fragoso esteve representada pelos alunos vencedores da 1.ª fase (a nível de escola), Jaime Sá (8.ºB), Ana Margarida Maciel e Margarida Costa (9.ºA).
A prova foi dividida em duas partes: a primeira, Prova Escrita, realizada no Salão Nobre dos Paços do concelho, versando sobre as duas obras lidas para o efeito, A rapariga que sabia ler, de Frances Hardinge, e A Ilha do chifre de ouro, de Álvaro Magalhães; a segunda parte, Prova Oral, decorreu no  Centro de Artes e Cultura de Vila Verde, destinando-se aos cinco finalistas selecionados na prova anterior, consistindo numa Prova de Dramatização (partindo de um objeto disponibilizado e escolhido), numa Prova de Argumentação (subordinada ao tema “Violência no namoro”) e numa Prova de Leitura Expressiva (baseada num poema sorteado).
Os alunos da nossa escola não ficaram apurados para a final, mas foram dignos representantes, competindo com cerca de uma centena de alunos desta região do distrito, todos eles muito bons, como demonstra a necessidade de o júri, composto pelos escritores João Lobo e Maria do Céu Nogueira, juntamente com o bibliotecário municipal Tiago Lopes, proceder a um exaustivo e demorado trabalho de desempate entre doze alunos, dos quais apenas cinco ficaram apurados para a final, na qual foi apurado o vencedor, uma aluna da escola André Soares, Braga, que será a representante distrital na 3.ª fase do Concurso Nacional de Leitura, que terá lugar em Lisboa.
Parabéns, portanto, a estes alunos pelo trabalho de preparação da prova e pela sua alegre e empenhada participação nesta experiência marcante.

José Reis

Comentários

Mensagens populares deste blogue

"No poupar está o ganho"- Educação Financeira

A visita da ilustradora Alexandra Gonçalves à nossa Escola

Entrega de prémios do concurso literário “Acácia e os fantasminhas”